sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Silverinha - O Editor

Em mais um estressante dia de trabalho Silverinha entra em seu escritório, com a caneca de café na mão apagando a ressaca de mais um final de semana. Sim, é plena segunda feira. Dia de notícia boa, furo de reportagem, alguma coisa lhe dizia que algo extraordinário iria lhe acontecer naquele dia.
Ora, mal sentou na cadeira, a porta se abre num estrondo, Daniel, o repórter que Silverinha mais detesta entra na sala, há meses Silverinha está atrás de demitir o infeliz, mais um daqueles filhos da puta com maniazinha de jornalista investigativo, até o zelador já tava sendo processador por causa dele. Quem sabe hoje não era o dia, mas o infeliz sempre dava um jeito de convencer Silverinha a manter ele alí, de fato, as reportagens que davam mais ibope vinham dele. Então foda-se.
_Diga lá Daniel, quem o corrupto da vez. - falou Silverinha, servindo-se de um bom gole de café.
_ Nenhum Silverinha, é um artigo político que escrevi, bastante interessante, acho que o senhor devia dar uma olhada, vai fazer as pessoas pensarem e...
_ Candidatos do segundo turno pedem apoio do Presidente, porém partirdos de oposição aliados do governo federal pressionam. E agora Presidente? Essa é a questão que tem tirado o sono e blá, blá, blá. Besteira, o que mais você tem?
_ Mas chefe, o senhor nem...
_ O que mais?
_ Bem, tem esse aqui....
Silverinha começou a folhear os papeis entediado e, seus olhos se arregalaram, largou o café, leu tudo num átimo. Novamente o Daniel tinha conseguido.
_ Menina burguesa e bonita sequestrada por namorado feio obsecado por amor! Caralho Daniel! Isso aqui é que eu chamo de furo! Ta meio cru mas já dá pra lançar, quero edição especial, e na edição da tarde quero mais material, começa falando mal da polícia, o povo gosta disso, ah é pega entrevistas com a familia da sequestrada, quero essa menina virando uma santa, porra, ah é quero insinuações de abuso sexual! E entrevistas, quero especialistas, pra falar da polícia neh. E também e também....

Enfim ...

Notícias.


EX-NAMORADO TARADO SEQUESTRA EX E A MANTÉM REFÉM EM SUA PRÓPRIA CASA.
Policia tenta negociações.

"Nós resolveriamos tudo em nove horas"- declara general da Swat.

"A gente teria atirado pra matar. Quero ver quem era o primeiro filho da puta que ia falar em direitos humanos pra mim!" - declara oficial do Bope

"Eu teria" - declara advogado dos direitos humanos.

"Deviam ter votado contra o desarmamento" - declara fanático pela paz.

"Bem lembrado, e o referendo sobre o fuzo horário?" - jornalista blogueiro chato sobre assuntos pouco sensacionalistas.

"O jornalismo atual prefere criar novelas da vida real para alienar a população com relação as questões que realmente importam, a crise econômica e..." - acadêmico de comunicação e discusso repetitivo toda vez que surge assunto sensacionalista na tv (mas que ele acompanhou tudo acompanhou)

"Fizemos a greve na hora errada, ninguém presta mais atenção" - declara oficial mal pago da polícia civil.
Postar um comentário